O presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Ives Gandra da Silva Martins Filho, disse ao Estado que a Justiça do Trabalho precisa analisar se não há um “desbalanceamento” nas decisões a favor dos empregados, protegendo demais o trabalhador. “Será que a balança não está pesando demais para um lado?”, questiona.

presidente-do-tst-ve-desbalanceamento-em-favor-de-trabalhadores

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *